SARNEY É SUBMETIDO A CATETERISMO E PERMANECE NA UTI DE HOSPITAL EM SÃO PAULO

domingo, 15 de abril de 2012

Depois de sentir dores no peito, no início da madrugada deste domingo, o presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), passou por um cateterismo no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo. Durante o procedimento, foi encontrada uma obstrução na artéria. Os médicos realizaram uma angioplastia e colocaram um stent (espécie de tubo para prevenir a pressão do fluxos sanguíneo no local do entupimento das artérias).
Segundo boletim médico divulgado na madrugada deste domingo, o peemedebista encontra-se estável, internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Cardiológica do Hospital.
Sarney chegou no fim da tarde de sábado ao Hospital Sírio-Libanês. De acordo com o hospital, Sarney teria decidido antecipar um check-up, que estava previsto para ser feito no decorrer da semana. Ele teve fortes dores de cabeça e resolveu, ele mesmo, procurar os médicos. Sarney chegou caminhando ao hospital às 17h40m e foi recebido pelo médico Roberto Kalil, diretor do centro de cardiologia do hospital.
Sarney passou pelas primeiras avaliações – ecocardiograma e eletrocardiograma – que detectaram alterações compatíveis com o quadro de insuficiência coronária.
O deputado Sarney Filho (PV-MA), que está em Recife (PE), disse que conversou com seu pai por telefone e que ele está passando bem.
- Falei com ele. Está muito bem. Não é nada mais grave. Trata-se (a internação) de precauções em função de sua idade - disse Sarney Filho. José Sarney completará 82 anos no próximo dia 24.
Essa semana, segundo pessoas próximas, Sarney mostrou grande ansiedade e desconforto por causa de agravamento de um problema de saúde da mulher, dona Marly, e também por causa da crise política que descamba para a abertura de uma CPI no Congresso Nacional.
Na última semana, ele esteve em Abadiânia de Goiás acompanhando dona Marly numa consulta espiritual com o médium João de Deus, o mesmo que atendeu o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e foi entrevistado pela jornalista americana Oprah Winfrey.
- Ele passou a semana muito tenso, sem paciência, mas na quinta-feira estava saltitante, bem. Ontem (sexta-feira) trabalhou normalmente de manhã e pela tarde, mas à noite passou mal e como morre de medo de morrer, resolveu procurar o Sírio - contou uma pessoa próxima a Sarney. Do site de O Globo

Postar um comentário

Enquete

Canal de Videos

Últimas Notícias

Encontre-nos no Facebook

CNT Oline

item