MOTORISTA SEM HABILITAÇÃO ATROPELA DUAS CRIANÇAS, E QUASE SERIA LINCHADOS.




Vítimas de 10 e 8 anos passam bem; houve tentativa de linchamento do motociclista, segundo a polícia



10/06/2013 - 10:10




Local onde as duas crianças, de 8 e 10 anos, foram atropelas anteontem à noite, no Jardim Progresso; rachas são comuns na avenida (Foto: Weber Sian / A Cidade)

Notícia atualizada às 22h44

Um motociclista de 24 anos, sem habilitação, quase foi linchado na noite deste domingo (9) após ter atropelado duas crianças na avenida Manoel Antônio Dias, no Jardim Progresso, zona Oeste de Ribeirão Preto. As crianças, uma menina de 10 anos e um menino de 8, passam bem.

Segundo moradores de residências na área da avenida, o atropelamento de pessoas naquela região é frequente aos fins de semana. Isso porque, segundo eles, o local é utilizado por diversos carros e motos para a prática de rachas, sempre em alta velocidade.

De acordo com a dona de casa, Luciana Moreira, de 39 anos, as crianças atravessaram a rua sem olhar e acabaram sendo atingidas pelo motociclista Ricardo Santana.

Salvo pelo Samu

“Primeiro a moto passou em cima do pé do menino e, depois, arremessou a menina a um metro. O motoqueiro bateu com o rosto em um carro e a moto atingiu o carro do meu marido”, conta Luciana.

Ainda segundo ela, Ricardo não estava correndo. “Acho que ele não tinha experiência, já que não tem carta, e não conseguiu frear a tempo”, diz. Depois de as duas crianças terem sido atropeladas, duas mulheres começaram a agredir o motociclista. No entanto, foi salvo pela chegada do Serviço de Atendimento Móvel de Emergência (Samu). “Se ele não tivesse entrado na ambulância teria sido linchado”, conta Luciana.

As crianças foram levadas ao Hospital das Clínicas. O menino teve o pé operado. Tanto ele como a menina passam bem.

Ricardo foi transferido para a Beneficência Portuguesa. O hospital não informou o seu estado de saúde. 
A moto foi apreendida e levada ao pátio da Transerp. O carro atingido pela motocicleta ficou com a porta amassada e o retrovisor quebrado.

Avenida vira pista de racha nos fins de semana

Todos os finais de semana, a avenida Manoel Antônio Dias se transforma em uma pista de corrida e de exibicionismo para veículos, segundo moradores do Jardim Progresso.

“Meu marido já cansou de pedir pra colocarem lombadas aqui”, diz Luciana Moreira. Há dois meses, o sobrinho dela foi atropelado por um motociclista, que estava empinando a moto na avenida. “Ele perdeu o equilíbrio, atropelou meu sobrinho e jogou ele pra debaixo de um caminhão. Ele quebrou o maxilar e até hoje tem que usar uma placa na boca”, conta a dona de casa.

Segundo ela, os moradores sempre acionam a Polícia Militar (PM) quando os rachas começam. Mas, é só os policiais irem embora para as disputas de veículos recomeçarem.

A Transerp afirmou que está avaliando a necessidade da implantação de redutores de velocidade na via.

Postar um comentário

Enquete

Canal de Videos

Últimas Notícias

Encontre-nos no Facebook

CNT Oline

item