Quando tudo parecia perdido Simon Corrêa acreditou na virada de Aécio Neves e valeu apena acreditar.





Com a morte de Eduardo Campos no dia 13 de agosto de 2014 em acidente aéreo, a campanha de Aécio Neves se tornou um pesadelo o PSDB, após a entrada de Marina Silva substituindo Campos, logo na primeira pesquisa  feita nos dias 14 e 15/08 candidata do PSB já apareceu com 21% a frente de Aécio  que caiu de 23 para 20%, na segunda feita nos dias 28 e 29/08  14 dias depois Marina já apareceu empatada numericamente com Dilma 34%  a   34% já se comentavam que o fenômeno, Marina poderia até ganhar as eleições no primeiro turno, o suficiente para deixar tucanos desanimados e muitos, em sua maioria já tinham jogado a toalha. Mas o jovem empresário Simon Corrêa apesar de não ser tucano, mais conterrâneo do presidenciável  não perdeu a esperança, continuou firme acreditando que era possível  Aécio superar o momento de emoção do povo,  em detrimento da trágica morte de  Campos. 

A maior prova que Simon acreditou que Aécio iria conseguir convencer o povo que ele tinha as melhores propostas para mudar o Brasil, que mandou fazer placas custeada com seu próprio recurso. Hoje pela manhã logo cedo o prefeito de imperatriz Sebastião Madeira que é aliado de primeira hora de Aécio Neves PSDB, foi fazer uma visita para o jovem empresário Simon Correa para agradecer seu empenho, esforço dedicação na campanha do tucano, que no segundo turno possam unir forças para eleger Aécio e derrotar o PT,

Notícias Relacionadas

POLITICA 196122410047520387

Postar um comentário

Enquete

Canal de Videos

Últimas Notícias

Encontre-nos no Facebook

CNT Oline

item