A VERDADE SOBRE A GESTÃO DO SECRETARIO DE EDUCAÇÃO ZESIEL RIBEIRO A FRENTE ESSA PASTA


Dias atrás um blog  conceituado da cidade, em seu blog publicou uma matéria mostrando que a Educação de imperatriz não tinha avançado em nada, ao terminar de lê, fiquei inquieto, me deu curiosidade de saber  a verdade e fui em busca, para me informar e levar as informações para comunidade imperatrizense, sobre esse tema, que é de muita relevância para nossa cidade, por que precisamos ouvir os dois lados, até por que na constituição existe o principio do contraditório e ampla defesa, então procurei o secretário Zesiel  Ribeiro, diga se passagem me recebeu muito bem, e não dificultou em nos passar as informações, acompanhe na integra abaixo tudo sobre os SEIS ANOS de gestão do secretário Zesiel a frente da pasta se atente para o descrito abaixo.

Secretaria de Educação multiplica ações na rede municipal

Em seis anos, a cidade de Imperatriz tem vivenciado a melhora efetiva da qualidade da educação oferecida aos mais de 42 mil alunos matriculados na rede municipal de ensino. Desde 2009, a Secretaria Municipal de Educação (SEMED) alfabetizou quase cinco mil alunos acima de 15 anos através Programa Brasil Alfabetizado (BRALFA).
O Brasil Alfabetizado é voltado para a alfabetização de jovens, adultos e idosos e se torna efetivamente uma porta de acesso à cidadania e o despertar do interesse pela elevação da escolaridade. Desde 2009, foram alfabetizados 4.924 alunos.
Sobre a diminuição da taxa de analfabetismo: Em 2000, 16% de pessoas acima de 15 anos e Imperatriz eram analfabetas, e no último censo realizado ainda em 2010 a taxa já reduziu para 9,3%, abaixo da taxa nacional que era de 13,6%. Dos alunos matriculados no Programa Brasil Alfabetizado da rede municipal desde 2009, 60% concluíram os ciclos e foram alfabetizados.
Recentemente as informações que foi publicada através de um blog aqui da cidade as informações são infundadas sobre a educação da rede municipal de ensino, comparando a educação de Imperatriz à oferecida no Estado do Piauí. O Índice de Desenvolvimento da Educação Básica/ 2013 revela que a educação da rede municipal de ensino de Imperatriz esta à frente: nos Anos Iniciais Imperatriz tem 4,5 e o Piauí 4,1; nos Anos Finais Imperatriz tem 3,8 e o Piauí 3,6. No Índice de Desenvolvimento Humano, Imperatriz tem 0,731 e o Piauí tem 0,646. Os índices revelam os avanços da educação, servem também para traçar , comparar e melhorar as diversas ações realizadas pela Secretaria de Educação e Prefeitura de Imperatriz.
Para incentivar o crescimento e o desenvolvimento da pesquisa científica nas escolas, a SEMED mantém a Comissão de Ciência e Tecnologia (COMCITEC). Por isso, a Escola Pública Municipal cresceu muito em produção científica com a criação da COMCITEC, em 2010. Elas estão mais independentes, já realizam suas feiras sem dificuldades de organização e a maioria dos professores já orientam projetos. Além das ações desenvolvidas internamente, a Secretaria de Educação financiou, acompanhou e deu suporte à participação de dez projetos de escolas da rede municipal em feiras regionais em Fortaleza, São Paulo, Pernambuco e; dois projetos em uma feira internacional no México. Os alunos da rede municipal de Imperatriz se destacam em vários eventos com premiações a nível nacional. Em 2012, por exemplo, 52 alunos do município foram medalhistas na Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica (OBA); e em 2013, foram 75.
Uma das prioridades da Secretaria de Educação é a formação continuada dos profissionais da educação de Imperatriz: professores, auxiliares, coordenadores pedagógicos, supervisores, orientadores, gestores e vice-gestores. Por isso, já foram realizadas três edições do Congresso Municipal de Educação de Imperatriz, seis seminários e dois workshops com professores de Educação Infantil e Pré Escola, além de formação continuada e inicial, realizadas dentro do plano de ação dos departamentos e programas da SEMED. 
Inclusão
A educação municipal prioriza a inclusão. Em 2008, a rede municipal contabilizava 119 alunos com alguma deficiência. Em 2014, com o aumento da oferta de ações de inclusão, a rede municipal possui 720 alunos com deficiência regularmente matriculados em classes regulares de ensino. Analisando os atendimentos em Salas de Recursos Multifuncionais e atividades complementares, esse número aumenta para 1169. Para atender esta demanda, a Secretaria de Educação mantém o Setor de Inclusão e Atenção à Diversidade (SIADI) que realiza desde 2009, cursos de: Linguagem Brasileira de Sinais (LIBRAS), BRAILLE e Atendimento Educacional Especializado, para professores, auxiliares e comunidade. Além disso, primeira Escola Bilingue do Maranhão esta em Imperatriz e foi inaugurada em 2012, pelo prefeito Sebastião Madeira, a Escola Municipal Professor Telasco Pereira Fialho- Bilingue (Bairro São José do Egito) e, em breve, será inaugurada a primeira Biblioteca para a Pessoa Cega do Maranhão localizada no SIADI (Rua Dom Cesário- Bairro Maranhão Novo), concluiu o secretário Zesiel.

Notícias Relacionadas

EMPREGO E EDUCAÇÃO 3380404697491569177

Postar um comentário

Um comentário

Anônimo disse...

A verdade é que muitos não se contentam com o sucesso dos outros.Esse tipo pessoa na verdade gostaria de estar ocupando o lugar do outro,e quem sabe fazendo as coisas conforme as acusações postadas.
Parabéns,secretário,a sua vitória perante os inimigos de imperatriz, só vem coroar o seu trabalho em prol do povo imperatrizense.

Enquete

Canal de Videos

Últimas Notícias

Encontre-nos no Facebook

CNT Oline

item