Senado aprova emenda que estende reajuste de salário mínimo para aposentadoria


Medida provisória, editada na Câmara dos Deputados, segue para sanção presidencial


Aposentados protestaram no plenário pedindo mesmo reajuste que o salário mínimo (Foto: Waldemir Barreto/Agência Senado)

Senadores aprovaram nesta quarta-feira (8) a Medida Provisória 672que prorroga até 2019 o atual modelo de reajuste de salário mínimo e estende a regra para aposentadorias. Com a aprovação, o texto segue para aprovação presidencial.

A MP original, editada pela presidente Dilma Rousseff, garantia apenas o reajuste do salário mínimo por mais quatro anos. No entanto, recebeu uma emenda na Câmara dos Deputados que ampliou a medida para as aposentadorias. O governo é contra a mudança, alegando que pode comprometer as contas públicas. Segundo o ministro da Previdência Social, Carlos Gabbas, se for sancionada, ela terá o custo anual de R$ 9 bilhões, segundo o G1. O presidente da Câmara, Eduardo Cunha, também se mostrou contrário ao texto. 

A votação no Senado foi marcada por diversas tentativas da bancada governista de tentar impedir a aprovação da matéria. O texto agora segue para aprovação ou veto da presidente, mas como a emenda foi acoplada ao corpo do da matéria, Dilma fica impedida de vetar somente a ampliação do direito para aposentados. Se rejeitar a alteração, estará também negando o reajuste do salário mínimo.(REDAÇÃO ÉPOCA)

Notícias Relacionadas

POLITICA 3836070365765425502

Postar um comentário

CÂMARA MUNICIPAL DE IMPERATRIZ

CÂMARA MUNICIPAL DE IMPERATRIZ
Fazendo mais pela nossa cidade

Enquete

Canal de Videos

Últimas Notícias

Encontre-nos no Facebook

CNT Oline

item