HOMEM É MORTO A PAULADAS, TIJOLADAS E PEDRADAS SUSPEITO DE ESTUPRO


Homicídio com características de linchamento é registrado no MA.
Ducivaldo Pinheiro, de 32 anos, foi morto a pauladas, tijoladas e pedradas.
Segundo 13º BPM, vítima do linchamento é suspeito de estupro.


            Homem foi morto a pauladas, tijoladas e pedradas em Ribamar 
(Foto: Alessandra Rodrigues / Mirante AM)

Um homicídio com características de linchamento foi registrado nas primeiras horas deste domingo (21), no residencial Nova Terra, em São José de Ribamar (MA) – Região Metropolitana de São Luís. Ducivaldo dos Santos Pinheiro, de 32 anos, foi morto a pauladas, tijoladas e pedradas na travessa 35 do residencial.

Ao G1, o sargento Leomídio, do 13º Batalhão de Polícia Militar (BPM), disse que a vítima do linchamento é suspeito de ter cometido estupro contra uma senhora no sábado (20), conforme testemunhas. Ducivaldo teve o rosto desfigurado com perfurações de faca.

Nenhum dos agressores foi identificado até o momento. O caso, segundo o 13º BPM, vai ser encaminhado para investigação à Delegacia Especial de São José de Ribamar.
saiba mais

Linchamentos no Maranhão
Em 2015, o caso de linchamento de maior repercussão no Maranhão vitimou Cledenilson Pereira da Silva, de 29 anos, espancado até a morte após tentar assaltar um bar no bairro São Cristóvão, em São Luís, no dia 6 de julho.

Cerca de um mês depois, uma equipe de reportagem da TV Mirante presenciou, na rodovia MA-201, conhecida como Estrada de Ribamar, a tentativa de linchamento a um suspeito por assalto. Ele tentava assaltar uma jovem dentro de um ônibus, quando começaram as agressões. Com a chegada da equipe de reportagem, os agressores se dispersaram. O pai do suspeito, que assistiu, ao vivo, as imagens, foi para o local na tentativa de resgatar a vítima.

Em novembro de 2015, novos casos de linchamento. Um vídeo enviado por internauta pela ferramenta colaborativa VC no G1, mostrou um jovem sendo espancado por moradores do bairro Jardim América, que teria tentado roubar uma bicicleta, mas acabou sendo perseguido pela vítima e por populares que viram a movimentação.

Cerca de 72h depois, um duplo homicídio, sendo um por linchamento, acontecido em uma área urbana de ocupação irregular, na Vila Luizão. A primeira vítima foi identificada como Raimundo Nonato da Silva, de 30 anos. Ele saiu do barraco onde morava, atravessou a rua e de dentro do barraco à frente, três suspeitos – que, segundo a polícia, aguardavam sua saída – dispararam contra Raimundo da Silva, que morreu no local. Os suspeitos fugiram pela lateral da Unidade de Educação Básica (UEB) de Ensino Fundamental Governador Leonel Brizola. Em perseguição, moradores da invasão conseguira capturar um dos suspeitos, identificado como Marcelo Lisboa Alves, de 21 anos. A tiros e pedradas, ele foi morto pelos populares. Marcelo teve o rosto esmagado pelas pedradas e a garganta cortada. (fonte:Do G1 MA)

Notícias Relacionadas

POLICIAL 9021745423185008536

Postar um comentário

Enquete

Canal de Videos

Últimas Notícias

Encontre-nos no Facebook

CNT Oline

item