Pesquisa presidencial: Lula perderia eleição à Presidência para Aécio e Marina


Pesquisa CNT/MDA indica ainda que tucano tem a preferência do eleitorado no 1º turno


Lula seria derrotado por Marina, Aécio e Ciro Gomes em 2º turnoRicardo Stuckert/03.12.2015/Instituto Lula

Se as Eleições 2018 fossem hoje, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) seria derrotado em cenários de 2º turno na corrida à Presidência da República por Aécio Neves (PSDB) e Marina Silva (Rede Sustentabilidade). Os dados constam de levantamento da CNT/MDA Pesquisa divulgado nesta quarta-feira (24).

Em eventual confronto com Aécio Neves (PSDB) no segundo turno, Lula (PT) teria 27,5% dos votos, contra 40,5% do tucano. Os votos brancos e nulos seriam 25,7% e os indecisos totalizariam 6,2%. Mesmo com a margem de erro, Aécio seria o vencedor.

No cenário que coloca Marina Silva (Rede) contra Lula (PT), a provável candidata teria 36,6% dos votos, contra 26,3% do petista, segundo a pesquisa. Outros 30% dos entrevistados votariam em branco ou nulo e 7,1% disseram estar indecisos.

Contra Ciro Gomes, Lula também seria preterido no segundo turno, mas não sairia derrotado por causa da margem de erro — de 2,2 pontos percentuais. O petista teria 28,2% contra 29,1% do provável candidato do PDT. Brancos e nulos somariam 34,3% e os indecisos, 8,4%.

Todas essas simulações de segundo turno são estimuladas, ou seja, o instituto MDA Pesquisa indicou os nomes dos supostos candidatos à Presidência.


1º turno

O estudo também quis saber dos entrevistados em quem eles votariam no primeiro turno se as Eleições 2018 fossem hoje. Em pesquisa espontânea, Aécio Neves (PSDB) foi lembrado por 10,7% dos entrevistados, seguido por Lula (PT), com 8,3%, e Marina Silva (Rede), com 3,9%. Jair Bolsonaro (PP) aparece em quarto lugar, com 3,2%, e Dilma Rousseff é a quinta colocada, com 1,6%.

Foram feitas três simulações estimuladas para primeiro turno, ou seja, com a apresentação dos nomes dos candidatos. Aécio é o único tucano que supera Lula — o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), e o senador José Serra (PSDB-SP) enfrentariam dificuldades.

No primeiro cenário, Aécio atinge 24,6% das intenções de voto contra 19,1% do petista, 14,7% de Marina Silva, 6,1% de Jair Bolsonaro e 5,8% de Ciro Gomes. Brancos e nulos seriam 19,6% e os indecisos, 10,1%.

Na segunda simulação, desta vez com Geraldo Alckmin no lugar de Aécio, Lula teria 19,7% dos votos, contra 18% de Marina Silva, 13,8% do governador de São Paulo, 7,4% de Ciro Gomes (PDT) e 6,3% de Jair Bolsonaro (PP). Brancos e nulos seriam 24,2% e os indecisos, 10,6%.

Por fim, com José Serra (PSDB) no lugar de Aécio, Lula teria 19,7% dos votos, contra 17,8% de Marina, 14,5% de Serra, 7,2% de Ciro e 6,4% de Bolsonaro. Os votos brancos e nulos seriam 24,1% e os eleitores indecisos, 10,3%.

A pesquisa ouviu 2.002 pessoas de 136 cidades do País entre os dias 18 e 21 de fevereiro. A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais, com 95% de nível de confiança.(fonte: Do R7)

Notícias Relacionadas

POLITICA 465190391064891350

Postar um comentário

Enquete

Canal de Videos

Últimas Notícias

Encontre-nos no Facebook

CNT Oline

item