Candidatos revelam persistência para ter aprovação em exame da OAB

Policial fez faculdade após se aposentar e tenta aprovação pela 2ª vez.Já um trio de amigas de Itapetininga faz a prova pela quinta vez; 'É a última.'

Candidatos chegando a instituto para fazer o exame da Oab em Itapetininga (Foto: 
Paola Patriarca/G1)

A primeira etapa do XIX Exame da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) é realizado na tarde deste domingo (3) em todo o país. Ao todo, mais de 135 mil inscritos prestam a prova, que começou às 13h. Em Itapetininga (SP), interior de São Paulo (SP), os portões do Instituto Federal de São Paulo (IFSP) já foram fechados.

Um dos 239 candidatos que vão prestar o exame em Itapetininga é o policial militar aposentado, Clóvis Carvalho Pacheco, de 48 anos. Clóvis conta que começou a estudar direito depois que se aposentou da PM e que sempre desejou atuar como advogado. "Sempre quis, mas não conseguia por causa do trabalho e correria. Quando saiu minha aposentadoria decidi que era hora de voltar para a sala de aula e estudar."
O PM aposentado Clóvis recebe o apoio da esposa
(Foto: Paola Patriarca/G1)
Esta é a segunda vez que ele está prestando o exame da Ordem e diz que tem que estar bem preparado para ser aprovado. Para o PM aposentado, a dificuldade maior é a de se superar e estudar sempre mais. "A expectativa é boa. Apesar de começar tarde [se referindo à idade], tenho vontade de trabalhar nessa área. O segredo para passar na prova é a preparação."
Ainda segundo Clóvis, ele também decidiu estudar após a aposentaria para incentivar os filhos e a esposa a fazerem ensino superior. "Queria incentivá-los e mostrar que é importante estudar. Minha esposa viu a minha força de vontade e começou a estudar direito. Está no terceiro ano e já começou a se preparar para o exame quando se formar", ressalta.

Persistência
Três amigas tentam pela 5ª vez aprovação
no exame (Foto: Paola Patriarca/G1)

As três amigas Camila Ramos, Dirlene Rodrigues e Patrícia Barros estão tentando pela quinta vez a aprovação no exame da OAB. Sempre unidas, elas fizeram faculdade, cursinho preparatório e agora a prova da OAB juntas.
"A amizade só fortaleceu. Nos formamos juntas, fizemos cursinho juntas e as provas também. Uma incentiva a outra", diz Camila.
Para as amigas, a maior dificuldade são as questões de direito constitucional. "Elas são extensas e nos cansa demais. O segredo é ter resistência física e emocional", conta Patrícia.
Apesar de tanta persistência, Dirlene revela que esta será a última vez para elas. "Estamos determinadas que essa é a última vez que fazemos exames juntas. Olha, não é fácil cuidar da casa, trabalhar e estudar. Então, que esse exame seja 'o exame'", brinca.
Christiane Maia faz o Exame da Ordem pela
terceira vez (Foto: Paola Patriarca/G1)

A dona de casa Christiane Maia também está em busca de uma aprovação no Exame da Ordem. Formada há dez anos, ela decidiu que queria voltar a trabalhar nessa área e há dois anos ela presta a prova. Segundo Christiane, ela não vai desistir.
"Por eu ter ficado tanto tempo longe da área complica um pouco, sem contar que tenho dois filhos pequenos e casa para cuidar. Mas não vou desistir e quero poder passar no Exame da Ordem para voltar a trabalhar. Minha expectativa são as melhores, pois estudei e me dediquei para ter um bom resultado", conta.

Portões para exame da OAB fecharam às 13h 

(Foto: Paola Patriarca/G1)


Prova
Os candidatos têm cinco horas, das 13h às 18h, para responder as 80 questões de múltipla escolha.O exame traz 80 questões de múltipla escolha, com quatro alternativas de resposta cada. Aqueles candidatos que acertarem, no mínimo, 50% da prova (ou seja, somarem 40 pontos ou mais), serão aprovados para a segunda fase.
saiba mais

De acordo com o edital do exame, a primeira fase abordará disciplinas obrigatórias no currículo mínimo do curso de direito: Direitos Humanos, Código do Consumidor, Estatuto da

Criança e do Adolescente, Direito Ambiental, Direito Internacional, Filosofia do Direito, Estatuto da Advocacia e da OAB, seu Regulamento Geral e Código de Ética e Disciplina da OAB.

Segunda fase
A segunda fase do XIX Exame, também conhecida como prova prático-profissional, vai ser aplicada no dia 29 de maio de 2016. Segundo o edital, os locais de prova deverão ser divulgados no dia 23 de maio.

Sobre o Exame da Ordem
A aprovação no Exame de Ordem é requisito necessário para a inscrição nos quadros da OAB como advogado. O Exame de Ordem pode ser prestado por bacharel em direito, ainda que pendente apenas a sua colação de grau, formado em instituição regularmente credenciada. Poderão realizá-lo os estudantes de direito do último ano do curso de graduação em direito ou dos dois últimos semestres.


Em Itapetininga, 239 inscritos vão fazer o exame da OAB (Foto: Paola Patriarca/G1)

Notícias Relacionadas

GERAL 8507392430517349645

Postar um comentário

3 comentários

Anônimo disse...

A PROVA PARA ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL É ALGO ESSENCIAL PARA A QUALIFICAÇÃO DA PROFISSÃO. E DEVERIA APOS A SEGUNDA FASE SER CRIADA A PROVA ORAL.

Anônimo disse...

Concordo com o relato acima.
Somente um Bacharel não preparado tem medo do exame da ordem, seria bom que apartir de 2017 ser criada a terceira fase. tipo prova oral....

Anônimo disse...

Só há uma forma de passar na O A B Estudar Muito, embora vc nunca mais precisar fazer uso da forma como vc faz o exame. São necessário a perspicácia, Manuseio do Vade mecum e destreza com a lei seca, entendimentos Jurídicos, Súmulas e outros subsídios que venha fundamentar sua inicial . portanto vale a pena o esforço , estude , passe e mude seu ponto de vista. T

Enquete

Canal de Videos

Últimas Notícias

Encontre-nos no Facebook

CNT Oline

item