LEIA MATÉRIA E ASSISTA VÍDEO ONDE HOMEM QUEBRA GARRAFA NA CABEÇA DE PM


Homem quebra garrafa na cabeça de PM durante a Parada Gay; veja vídeoPolicial fazia prisão por furto de celular quando foi agredido.Agressor foi detido; Parada Gay reuniu multidão na Avenida Paulista.

Policial militar sofreu um corte na testa após levar garrafada (Foto: Glauco Araújo/G1)

Um homem quebrou uma garrafa de vidro na cabeça de um policial militar na tarde deste domingo (29), na Rua da Consolação, perto do cruzamento com a Avenida Paulista, na região central de São Paulo, durante a 20ª edição da Parada do Orgulho LGBT (Parada Gay). O G1flagrou o momento em que o policial foi agredido (veja no vídeo acima).
Dois policiais faziam a prisão de um suspeito de furtar celulares no meio da multidão quando um homem usando um boné creme e uma camisa de botão azul de manga comprida se aproximou e quebrou a garrafa na cabeça do PM (veja no vídeo acima). O policial sofreu um corte na cabeça e ficou sangrando. O agressor foi detido.
A assessoria de imprensa da PM disse que três suspeitos foram detidos e levados ao 78º DP. Ao todo, 12 pessoas foram detidas por roubo e furto na Parada Gay.
Os organizadores da Parada Gay estimam um público de 2 milhões de pessoas no evento. A PM afirmou que no horário de pico (15h15) o evento teve 190 mil pessoas.

Novo protesto
Viviany Beleboni, de 27 anos, cumpriu a promessa e subiu em um dos 17 trios elétricos da Parada do Orgulho LGBT (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais) em São Paulo com uma fantasia que fazia referência a mais um símbolo religioso, uma representação da Bíblia. A fantasia também trazia as palavras "bancada evangélica" e "retrocesso", na crítica de Viviany aos deputados que no ano passado criticaram a atitude da transexual em desfilar 'crucificada'.

A transexual manteve-se concentrada em sua apresentação sobre o trio. A representação da Bíblia abria e fechava, mostrando notas de dólares na parte de trás. No chão, o público aplaudia e acenava para Viviany. O trio elétrico que ela desfilava trazia uma faixa "Fora Temer bem à frente".
Policiais militares fazem a detenção de suspeito de furto de celular na Parada 
Gay em São Paulo (Foto: Glauco Araújo/G1)
Após sofrer agressão, policial militar ficou ferido com um corte na testa (Foto: Glauco Araújo/G1)

ASSISTA O VÍDEO ONDE HOMEM QUEBRA GARRAFA NA CABEÇA DE PM
                                                               fonte: G1 São Paulo



Notícias Relacionadas

VÍDEOS 3513849035134117166

Postar um comentário

Enquete

Canal de Videos

Últimas Notícias

Encontre-nos no Facebook

CNT Oline

item